28 de dezembro de 2010

OS TEXTOS MAIAS NÃO REFEREM O APOCALIPSE PARA 2012

Em nenhum dos 15 mil textos existentes dos antigos maias está escrito que em 2012 haverá grandes cataclismos, crença originada em escritos esotéricos da década de 1970, asseguraram nesta terça-feira fontes oficiais.

O diretor do Acervo Hieróglifo e Iconográfico Maya (Ajimaya) do Instituto Nacional de Antropologia e História (INAH), Carlos Pallán, disse que só em dois deles há "duas inscrições" que falam em 2012, mas "só como o final do período".

Perante este fechamento do ciclo, os profetas modernos afirmam que um buraco negro no centro da galáxia, quando se alinhar com o sol, romperá o equilíbrio. Com isso, será modificado o eixo magnético da Terra e as consequências serão nefastas.

O cientista destacou em comunicado que estas versões apocalípticas foram geradas em publicações esotéricas nos anos 1970, as quais assinalavam o fim da civilização humana para 2012, data que coincide com o décimo terceiro ciclo no calendário maia, no dia 21 de dezembro.

Pallán explicou que "para os antigos maias, o tempo não era algo abstrato, era formado por ciclos e estes às vezes eram tão concretos que tinham nome e podiam ser personificados mediante retratos de seres corajosos. Por exemplo, o ciclo de 400 anos estava representado como uma ave mitológica".

Os maias "jamais mencionam que o mundo vai acabar, jamais pensaram que o tempo terminaria em nossa época, o que nos reflete à consciência que alcançaram sobre o tempo, a partir do desenvolvimento matemático e da escritura", destacou.

Acrescentou ainda que os maias se preocupavam em efetuar rituais que de algum modo garantissem que o ciclo por vir seria propício, e no caso particular de 2012 é notada uma insistência em "que ainda em data tão distante vai ser comemorado um determinado ciclo. Este foi o miolo da confusão".

O arqueólogo disse que, no entanto, de acordo com os cálculos científicos atuais, a data astronômica precisa do fim de seu ciclo seria 23, e não 21 de dezembro.

Também esclareceu que os maias legitimavam seu poder mediante os calendários e vinculavam os governantes com esses ciclos e com deuses citados em relatos ancestrais ou em mitos.

Fonte: EFE

NOTA: Se por um lado não marcamos data para o fim deste mundo (Mt 24:36), por outro lado enfatizamos o "vigiar": "Portanto, vigiai, porque não sabeis em que dia vem o vosso Senhor" (Mt 24:42). Que Ele vem isto é certo. A Bíblia afirma e os sinais atuais no mundo apontam para isso. Enquanto isso, nosso papel é vigiar. Para deixar claro o que significa vigiar, Jesus contou em seguida três parábolas: Mt 24:45-51, Mt 25:1-13 e Mt 25:14-30. Nessas parábolas destaca-se o fator missão (bom servo, uso dos talentos, presença do Espírito Santo na vida). A melhor forma de vigiar é estar envolvido na missão... Quer venha antes de 2012, ou depois, o Senhor encontrará os Seus preparados...

Fonte: Minuto Profético

23 de dezembro de 2010

CIA PREOCUPADA COM WIKILEAKS

Eu continuo e não sou teimoso, talvez, persistente, a pensar que o nosso mundo está em maus lençóis; África, Europa, Américas, China, Médio-Oriente, enfim, dá ideia que não há honra. Parece aquela história do D. Manuel que manda vir a princesa de Espanha para casar com o filho João e acaba por casar com ela.
O Assange, não é nenhum santo, mas por favor, ele fez de mineiro; ao principio, enfim, a gente sabe que não foi assim, mas vamos supor; o homem queria revelar ao mundo as “pepitas” brilhantes que governam o mundo e descobre com grande “tristeza” pepitas falsas ou seja o parece que é, mas não é, tudo o contrário. Agora, os Estados Unidos a principal mina, manda mineiros para fazerem de conta que não sabiam que era ouro falso. Isto é triste não é?
Mas as coisas não ficam assim, ai não ficam não, a CIA já criou uma equipa para analisar o impacto da divulgação de telegramas diplomáticos pelo WikILeaks.
E já fizeram um excelente trabalho, descobriram que o Assange é um grande mentiroso. Há só uma coisa que eles ainda não deslindaram e que está a embaraçar (os espanhóis tenham cuidado com esta palavra “embaraçar”), os EUA é que a organização de Julien Assange revelou foi a de que a agência CIA teria pedido uma lista de informação sobre responsáveis da ONU.
De acordo com a edição online do diário britânico The Guardian, no geral, a agência de informações norte-americana tem sido pouco atingida pelo escândalo despoletado pelo Wikileaks.
Mas afinal, os Estados Unidos pedem informações de toda a gente; da presidente da Argentina, do Fidel Castro deste e daquele, ainda se virá a descobrir que também estão infiltrados no Vaticano, seria lindo seria!
Bom, vamos falar a sério, se estiverem infiltrados no Vaticano o objectivo é só o de passar informações, como é que eu sei estas coisas? Esperem e verão que eu tenho razão. Os embaixadores estão lá todos, eu vi! Não estive infiltrado, entrei lá por mero acaso.

18 de dezembro de 2010

SERÁ JULIAN ASSANGE UM RUMOR DO FIM?

Nasceu no dia 3 de Julho de 1971, em Townsville, Queensland na Austrália. Os seus pais eram artistas de teatro ambulante, viajavam de cidade em cidade, Julian habituou-se a um mundo itinerante, a frequentar muitas escolas; o que poderia ter provocado uma rebeldia e negligência nos estudos, em vez, tornou-o num solitário estudioso, a matemática e a física eram o seu forte.
Os computadores tornaram-se a sua paixão, conhecer todos os labirintos da informática era extremamente estimulante. Pouco a pouco aprendeu a entrar noutros computadores (hacker) sem deixar rasto. Continuou os seus estudos universitários e fundou com alguns amigos um Websita, o mais famoso do mundo: WikiLeaks, trabalhou como jornalista e programador, fez amigos entre os meios diplomáticos, assessores de embaixadas ávidos por mostrar aos seus superiores hierárquicos os seus conhecimentos e como podiam conhecer informações relevantes antes mesmo dos embaixadores dos diferentes países se encontrarem. Esta foi uma escalada bem difícil, mas para Julian Assange era cada vez mais estimulante. Não só ele ensinava como obter informações aos outros mas ele próprio ia amontoando milhares e milhares de documentos cada vez mais importantes.
Ao mesmo tempo que realizava este trabalho, desenvolvia amizades e partilhava informações com jornalistas sediados nos melhores e prestigiados jornais do mundo. Quando estes se deram conta tinha caído numa teia que ou eram aliados de Assange ou não tinham mais trabalho.
Assange, foi mais longe do que as informações das embaixadas, ele entrou em tudo o que são impérios da banca, do exército, dos serviços secretos dos Estados mais importantes do mundo; Estados Unidos em particular. Sendo que este país está ligado a todos os países do mundo, Assange alcançou incontáveis documentos relacionados com todos os países do Planeta.
Quem pode tocar em Assange? Se ele conhece todos os segredos e envia downloads (vasamentos) quando quer directamente ou através da sua equipa que têm códigos e que aconteça o que acontecer a Assange os Jornais continuam a receber informações que fazem as maiores tiragens jornalísticas e abrem os canais das TVs de todo o mundo?
Os Estados Unidos têm uma forma de atacar e destruir qualquer homem ou mulher; descobrir a sua vida moral e expô-las, será que isso vai atingir Assange? Não sei! O que sei é que um homem com o conhecimento e sem os escrúpulos de Assange faz cambalear o mundo.
Ele referiu recentemente: “… a maioria dos fundos doados à organização está actualmente a ser usada para responder a vários ataques. Mais de 85% dos nossos recursos económicos são gastos a lidar com ataques: técnicos, políticos e legais, não a fazer jornalismo. E para mim isso é um ataque ao jornalismo de investigação".
Uma nota a terminar, é minha opinião que muito do que ele revela é sem valor algum, mas muito desse material é indiscutivelmente verdadeiro. O que mais me intriga e surpreende é como um homem pode entrar em sistemas de informação como os da Casa Branca! Que mundo é este? Penso e sinceramente o creio que este é um rumor do fim. Pergunta o estimado leitor. Como vai isto acabar? Respondo: Não sei! Só sei que é um RUMOR DO FIM.

"E vi subir da terra outra besta, e tinha dois chifres semelhantes aos de um cordeiro; e falava como o dragão.

E exerce todo o poder da primeira besta na sua presença, e faz que a terra, e os que nela habitam, adorem a primeira besta, cuja chaga mortal fora curada.
E faz grandes sinais, de maneira que até fogo faz descer do céu à terra, à vista dos homens.
E engana os que habitam na terra, com sinais que lhe foi permitido que fizesse em presença da besta, dizendo aos que habitam na terra, que fizessem uma imagem à besta que recebera a ferida da espada e vivia.
E foi-lhe concedido que desse espírito à imagem da besta, para que também a imagem da besta falasse, e fizesse que fossem mortos todos os que não adorassem a imagem da besta.
E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas;
Para que ninguém possa comprar, ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome."Apocalipse 13:11-17
Até quando pemitirá os Estados Unidos ser questionado?
Não começou já a Igreja Católica a dar sinais de grande diplomacia política?
Até quando esperarão os Estados Unidos e os seus aliados para impôr um poder sem precedentes?
Até quando permitirá a Igreja Católica a "democracia", sendo um poder absoluto?
Até quando permitirão liberdades que colocam em causa a soberania dos "povos"?
Esperem, já não falta muito!

15 de dezembro de 2010

A DÉCADA EM QUE O MUNDO MUDOU

Uma década atrás, quatro jovens mudaram a forma como o mundo funciona. Eles fizeram isso não com leis ou armas ou dinheiro, mas com o software: eles tinham ideias radicais e perturbadoras, que se transformaram em código, que foi lançada na Internet gratuitamente. Estes quatro homens, mal tinham entrado na faculdade e lançaram as bases para o ambiente de média digital que nós actualmente vivemos. Então, para todos os efeitos, eles desapareceram.
Em 1999, um caloiro da Universidade Northeastern chamado Napster, Shawn Fanning, escreveu, peer-to-peer de partilha de arquivos, assim, pioneiro num novo paradigma para a média de consumo, sem o intermédio de um grande estúdio ou ao revendedor. Ele foi considerado um dos melhores inventores do ano 2010 e com 19 anos amealhou em pouco tempo uma fortuna. Ele faz capa na TIME.
Naquele mesmo ano, um adolescente norueguês chamado Jon Lech Johansen, trabalhando com dois outros programadores cujas identidades ainda são desconhecidas, escreveu um programa que pode descriptografar DVDs comerciais, e tornou-se internacionalmente famoso como "DVD Jon". Ele tinha 15 anos.
Em 1997, Justin Frankel, um hacker de 18 anos de idade, em Sedona, Arizona, escreveu um leitor de MP3, chamados WinAmp, que se tornou um acessório em máquinas com Windows e ajudou a integrar a revolução da música digital. Durante os primeiros 18 meses da liberação 15 milhões de pessoas baixaram o programa. Três anos depois, Frankel escreveu Gnutella, um protocolo peer-to-peer de partilha de arquivos de modo descentralizado, que, ao contrário do Napster, que não podia ser desligado. Milhões de pessoas continuam a usá-lo.
Em 2001, Bram Cohen, então com 26 anos, escreveu um protocolo peer-to-peer de partilha de arquivos chamada BitTorrent, que apresentava uma nova arquitectura elegante optimizado para manipulação de grandes arquivos. BitTorrent tornou-se o padrão para a distribuição de grandes blocos de dados através da Internet.
Na primeira metade da década de 2000, um jornalista da ÉPOCA entrevistou cada um dos programadores. Na época, parecia que eles estavam prestes a desmantelar o complexo de entretenimento de média inteira e trazer um apocalipse digital que tornaria impossível aos produtores de filmes de cobrar dinheiro, música ou TV. Artistas já não são pagos pelo seu trabalho, e as enormes multinacionais do entretenimento, Time Warner, entre eles, seriam bombardeados até ficarem na ruína. Os piratas já não vinham do mar, mas da América corporativa.
"Afinal", escreveu-se em 2003 , “… não se pode ter uma economia da informação em que todas as informações sejam livres." E se o “apocalipse” estava a chegar, Fanning, Johansen, Frankel e Cohen foram os quatro cavaleiros.
De repente, tudo se alterou. A mudança chegou à indústria do entretenimento, mas ela foi muito mais complicada e gradual do que se esperava. E a história do que aconteceu, e que os reis piratas têm feito desde então, é muito instrutivo, se você quiser entender o que está acontecer no mundo digital agora. Fanning, Johansen, Frankel e Cohen funcionam em pequenas empresas, empresas de software legal Silicon Valley. Eles estão fora do negócio pirata – outros ocupam já o lugares deles este é o mundo vertiginoso em que vivemos, tudo está próximo, tudo passa num momento, caminha-se a alta velocidade sem rumo…o que se pode dizer: “E tu, Daniel, fecha estas palavras e sela este livro, até ao fim do tempo: muitos correrão de uma parte para outra, e a ciência se multiplicará.” Daniel 12:4

13 de dezembro de 2010

NÃO É APENAS GAY-FRIENDLY: SÃO HOTÉIS ULTRA-GAY

Quando South Beach Hotel abriu no mês passado em Miami, a sua decoração em tons brilhantes, trio de piscinas e bar para servir vodca Absolut, parecia-se com qualquer outro fino Hotel na estância superiora de Miami. Mas os 53 quartos, confecção de Arte Deco, que está localizado a uma quadra da principal praia gay do Sul, é só o primeiro na escala do país, com um design gay. Não só gays, mas gay por completo. O hotel trabalha com Out revista para desenvolver um aplicativo de Concierge lista superior LGBT hot spots local, pediu para o seu design ser personalizado Levi jean uniformes brancos e cinza, e está a preparar-se para lançar a sua própria rede social para que os clientes possam identificar-se reciprocamente.
Embora este possa ser o primeiro, já há uma grande experiência na LGBT, as portas foram abertas em Janeiro, expande-se a partir de um espaço gay-friendly pousada de 12quartos que atendia uma clientela masculina. O crescimento tem sido explosivo, um outro, Florida's Royal Palms Resort é o maior da América do Norte "serviço completo" retiro gay, mas não vai ficar por aqui, em 2011, em Manhattan, Nova York vai inaugurar um Hotel para acolher gays de todo o mundo, terá (8.400 metros quadrados) "resort urbano" perto de Times Square.
Fui simpático, não disse que este é mais um Rumor do Fim, não falei em Sodoma e Gomorra, nada…até porque não se pode ofender as pessoas! Isto não é pecado..., trata-se de uma tendência congénita..., ou de um assunto de liberdade..., etc, etc, etc, até há igrejas com padres e pastores gays...!!!

“Por causa disso, os entregou Deus a paixões infames; porque até as mulheres mudaram o modo natural de suas relações íntimas por outro, contrário à natureza; semelhantemente, os homens também, deixando o contato natural da mulher, se inflamaram mutuamente em sua sensualidade, cometendo torpeza, homens com homens, e recebendo, em si mesmos, a merecida punição do seu erro.” Romanos 1:26-27

12 de dezembro de 2010

COMO SER CATÓLICO ROMANO E ANGLICANO?

Para muita gente, a maneira de ser da igreja anglicana é motivo de confusão. Por exemplo, como ser católico e protestante ao mesmo tempo? Como incluir conservadores e liberais sob o mesmo título denominacional? Como ser uma igreja hierárquica (dirigida por bispos) e democrática (governada pelo clero e povo) ao mesmo tempo? Como entender o conceito da diversidade na unidade? Na prática, isso significa que a Igreja Episcopal não diz taxativamente aos seus membros: “Você tem de fazer isso ou aquilo. Ao contrário, adota uma atitude de conselho e recomendação: “para o seu bem e crescimento na vida em comunidade, convém que siga o que ensina a sabedoria da igreja, guiada pelo Espírito Santo e pelas Sagradas Escrituras. Por isso, para ajudar as pessoas que a procuram, a Igreja Episcopal Anglicana oferece conselhos e ajuda pastoral, formação educacional, espírito de solidariedade, adoração individual e pública e os sacramentos da graça de Deus. Jesus disse que da mesma forma em que havia sido enviado pelo Pai, assim Ele também nos enviaria (João 20:21). Baseada nesse princípio, a Igreja Anglicana focaliza a sua missão universal em cinco pontos:
• Proclamar as boas novas do Evangelho;
• Baptizar, ensinar e nutrir pastoralmente os fiéis;
• Servir com amor aos necessitados;
• Lutar pela transformação das estruturas injustas;
Henry VIII
• Zelar pela integridade da vida em todas as suas manifestações.
A Igreja separou-se da Igreja Católica romana com Henrique VIII , ele fundou uma nova igreja, separada da tutela e controlo romanos por razões políticas, económicas, religiosas e até pessoais. Durante séculos a Igreja da Inglaterra esteve sob o domínio direto de Roma. Henrique VIII rompeu essa antiga filiação eclesiástica com o apoio do Parlamento. Separada e independente, a Igreja da Inglaterra assumiu os princípios professados por João Calvino e resumidos acima. Em 1559, começou o reinado de Isabel I, e com ela veio o controvertido Ato de Uniformidade, que devolveu à rainha o mesmo poder sobre a igreja que tinha Henrique VIII. A era elizabetana foi um período de apogeu. Foi nessa época que começou a colonização da América, onde a igreja anglicana se desenvolveu rapidamente e se organizou principalmente depois da independência americana em 1776.
Agora a Igreja Anglicana já deixou de ter interesse no que diz a Bíblia, os seus padres dedicam-se cada vez menos à evangelização e mais ao estudo, tornaram-se materialistas e o seu sentido de “reforma” perdeu-se. Pensaram; “o que estamos aqui a fazer separados da nossa mãe católica?” A mãe “carinhosamente” está a receber esta filha, bem como a luterana e a do Oriente. Assim, a Igreja Católica irá estabelecer uma nova estrutura canónica, denominada Ordinariatos Pessoais, para os religiosos anglicanos e outros que desejarem entrar "em plena e visível comunhão" com a Igreja. O anúncio da nova estrutura foi feito pela imprensa na Sala de Imprensa da Santa Sé pelo cardeal William Joseph Levada, prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé, que sucedeu ao então cardeal Joseph Ratzinger no cargo.

"Com a preparação de uma Constituição Apostólica, a Igreja Católica está respondendo aos muitos pedidos que foram submetidos à Santa Sé por grupos de clérigos e fiéis anglicanos e outros, em diferentes partes do mundo, que desejavam entrar em plena comunhão com a doutrina católica", explicou o cardeal Levada. O documento será publicado em breve.

Isso significa que a Igreja Católica abre as suas portas para que antigos afastados "entrem em plena comunhão com a Igreja Católica enquanto preservam elementos do distinto património espiritual e litúrgico das suas antigas confissões", conforme a nota da Congregação. Isso significaria completamente uma nova forma canónica, similar aos Ordinariatos Militares.

A Igreja Católica abre as suas portas para bispos, padres não-casados e casados e para pessoas leigas, destas igrejas. Somente sacerdotes casados, e não bispos - devido à longa tradição Ocidental e Oriental Cristã - é que serão aceitos. Os bispos casados anglicanos serão recebidos na Igreja Católica, mas em qualidade de presbíteros. A Congregação para a Doutrina da Fé recebeu cerca de 20 a 30 pedidos de bispos anglicanos da Grã-Bretanha, e em torno de 50, de todo o mundo. Pedidos de padres e leigos são contados às centenas.

Os aspectos canónicos e litúrgicos estão em processo. Será estabelecido um novo rito correspondente à prática e à tradição católicas. Porque "a unidade da Igreja não exige uma uniformidade que ignora a diversidade cultural, como a história do Cristianismo mostra", explicou o cardeal. "Nossa comunhão é, portanto, reforçada por tão legítima diversidade", assegurou o prefeito da Congregação da Doutrina da Fé.

"Os acordos da Comissão Internacional Anglicana-Católica-Romana (ARCIC) e da Comissão Internacional Anglicana-Católica-Romana para a Unidade e Missão (IARCCUM) deixam claro o caminho que seguiremos juntos". O processo de preparação, que consiste em reflexão e orações, começou em 2006 em Leeds, na Grã-Bretanha, e continuou em 2008, em Lambeth. Essa "cooperação estreita", como ressalta o "Comunicado Conjunto do arcebispo de Westminster e do arcebispo de Canterbury", irá continuar.

Desde o século XVI, quando o rei Henrique VIII declarou a Igreja na Inglaterra independente da autoridade papal, a Igreja inglesa criou as suas próprias confissões doutrinais, livros litúrgicos e práticas pastorais, muitas vezes incorporando ideias da Reforma no continente europeu. A expansão do Império Britânico, junto do trabalho missionário anglicano, eventualmente provocou o surgimento de uma Comunhão Anglicana Mundial.

Através de mais de 450 anos da sua história, a reunificação de anglicanos e católicos nunca esteve fora de cogitação. Em meados do século XIX, o movimento inglês Oxford viu o restabelecimento do interesse nos aspectos católicos do anglicanismo. No começo do século XX, o cardeal Mercier, da Bélgica, entrou em conhecidas conversas com os anglicanos para explorar a possibilidade de união com a Igreja Católica sob a bandeira de um anglicanismo "reunido, mas não absorvido".

No Concílio Vaticano II, a esperança de uma união foi ainda mais alimentada quando o Decreto sobre o Ecumenismo (n.13), referindo-se a comunhões separadas da Igreja Católica na época da Reforma, estabelecia que "entre aqueles nos quais as tradições e instituições católicas em parte continuam a existir, a Comunhão anglicana e todas as outras filhas separadas ocupam um espaço especial".

PAPA ANULA EXCOMUNHÃO DE BISPOS ORDENADOS POR D. LEFEBRE

Toda a história que se segue faz lembrar o período medieval em que o papa excomungava os hereges, reconheçamo-lo, há diferenças; o papa no presente anula "na caridade da igreja Universal", ou seja, uma outra forma de unir os "irmãos separados".
"Por meio da carta do dia 15 de dezembro de 2008, dirigida à Sua Eminência, Cardeal Dario Castrillón Hoyos, o presidente da Comissão Pontifical Ecclesia Dei, Dom Bernard Fellay em nome próprio e em nome dos outros três bispos sagrados no dia 30 de junho de 1988, solicitava novamente o levantamento da excomunhão latae sententiae formalmente declarada pelo Decreto do Prefeito desta mesma Congregação para os Bispos na data de 1 de julho de 1988. Na carta anteriormente mencionada, Dom Fellay afirmava, entre outras coisas: ´Nós estamos também aferrados à vontade de permanecer católicos e de pôr todas as nossas forças a serviço da Igreja de Nosso Senhor Jesus Cristo, que é a Igreja Católica Apostólica Romana. Nós aceitamos seus ensinamentos filialmente. Nós cremos firmemente no Primado de Pedro e nas suas prerrogativas e é por isso que a situação atual nos faz sofrer tanto.`
Sua Santidade Bento XVI – paternalmente sensível ao mal estar espiritual manifestado pelos interessados por causa da sanção de excomunhão e confiando no compromisso expressado por eles na carta citada de não poupar nenhum esforço para aprofundar nas necessárias conversações com as Autoridades da Santa Sé sobre as questões ainda abertas, e de poder deste modo chegar rapidamente à uma plena e satisfatória solução do problema posto na origem – decidiu reconsiderar a situação canônica dos Bispos Bernard Fellay, Bernard Tissier de Mallerais, Richard Williamson e Alfonso de Galarreta relativa à sua sagração episcopal.
Este ato expressa o desejo de consolidar as relações recíprocas de confiança, de intensificar e de tornar estáveis as relações da Fraternidade São Pio X com a Sé Apostólica. Este dom de paz, no fim das celebrações do Natal, quer ser também um sinal para promover a unidade na caridade da Igreja Universal e, deste modo, retirar o escândalo da divisão.
Desejando que este passo seja seguido sem demora da pela comunhão com a Igreja de toda a Fraternidade São Pio X, em testemunho de uma verdadeira fidelidade e de um verdadeiro reconhecimento do Magistério e da autoridade do Papa pela prova de uma unidade visível.
Conforme as faculdades que me foram expressamente concedidas pelo Santo Padre o Papa Bento XVI, em virtude do presente Decreto, eu levanto aos Bispos Bernard Fellay, Bernard Tissier de Mallerais, Richard Williamson e Alfonso de Galarreta a censura de excomunhão latae sententiae declarada por esta Congregação no dia 1 de julho de 1988, do mesmo modo que declaro sem efeitos jurídicos, a partir de hoje, o Decreto publicado naquela época.´ (...) Cardeal William Joseph Levada (desde maio de 2005)


10 de dezembro de 2010

A NOVA ORDEM; EVIDÊNCIAS

TUDO BOA GENTE!!! MAÇONARIA!

A MAÇONARIA GOVERNA PORTUGAL

CONSPIRAÇÃO - ILUMINTATI

ISTO É MUITO REAL. NÃO VEJAS!

PLANOS DA ILUMINATI PARA ELIMINAR 80% DA POPULAÇÃO

SÍMBOLOS SECRETOS DA ILUMINATI


Illuminati2
Enviado por realidadeoculta. - Assista os últimos vídeos de notícias.

7 de dezembro de 2010

INACREDITAVEL, TORNADOS EM PORTUGAL!

Quarenta e duas pessoas, entre elas 19 crianças, ficaram feridas na sequência de um tornado que atingiu ontem, por volta das
14h30, os concelhos de Tomar, Sertã e Ferreira do Zêzere. Quatro pessoas ficaram feridas com gravidade, mas entre os 39 que necessitaram de assistência hospitalar, "maioria já teve alta médica", adiantou o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM).
Vinte e três pessoas ficaram feridas em Tomar: 20 desses feridos estavam no jardim-de-infância João de Deus, na Estrada de Leiria, onde o telhado de um anexo desabou com a intensidade do vento. "Todos ficaram feridos sem gravidade", adiantou o vereador da protecção civil da Câmara de Tomar. Entre os feridos estão adultos e crianças. Naquele momento, 70 crianças estavam no jardim-escola.
De acordo com o vereador, o tornado terá durado cerca de 15 minutos, ter-se-á iniciado a 2 km da cidade de Tomar e atravessado 12 km do concelho. Além do desabamento do telhado do jardim-de-infância, os ventos fortes terão provocado estragos numa centena de casas e nalgumas viaturas e terão levado à queda de algumas árvores que obstruíram as vias. Uma das árvores caídas obstruiu mesmo uma ligação ao Convento de Cristo, mas, segundo o responsável pela Protecção Civil, "a situação já se encontra normalizada e já não há árvores a obstruir as vias rodoviárias".
O site da Autoridade Nacional de Protecção Civil confirma que caíram centenas de árvores em Tomar e uma centena de casas ficou com os telhados danificados. Algumas zonas ainda estão sem electricidade, devido a uma sub-estação da EDP (Venda Nova) ter sido atingida pelos ventos fortes. As comunicações telefónicas, fixas e móveis, também sofreram perturbações depois da passagem do tornado, mas já estão a funcionar normalmente.

A SUBTILEZA DO ENGANO

O mundo está a ser preparado para a crise final. Os meios de comunicação têm sido um instrumento para isso. E o paralelo com a época do surgimento do nazismo representa um alerta ainda maior.
Em 1943, a Walt Disney lançou uma curta-metragem de propaganda antinazista, na qual uma raposa fazia o papel de Hitler e enganava o Chicken Little (o frango) que, desprovido do mínimo de análise crítica, acabava contribuindo para o extermínio das outras aves do galinheiro...

6 de dezembro de 2010

JOVEM ADOLESCENTE CONFESSA CULPA NO MAIOR INCÊNDIO DA HISTÓRIA DE ISRAEL

Um adolescente de 14 anos admitiu este segunda-feira ter sido o responsável pelo incêndio que lavrou nos últimas dias em Israel e que matou 42 pessoas. Foi o incêndio mais grave da história do país, que motivou mesmo a ajuda palestiniana.

O jovem terá confessado que em pleno parque nacional no Monte Carmel estava a fumar um cachimbo de água, deixando cair uma brasa que usou para o acender. As chamas alastraram, sem que tenha avisado ninguém.

O fogo começou a lavrar na quinta-feira, e só este domingo foi dado como controlado. Além das mortes, o fogo obrigou 17 mil pessoas a abandonarem as suas casas, queimando 5 mil hectares de floresta.

4 de dezembro de 2010

ESPANHA, HOMEM SALVO DA LINHA DO METRO


Um homem de 41 anos, alegadamente alcoolizado, caiu para a linha do metro na estação de Puerta del Angel, Madrid, ficando deitado no chão, sem se conseguir levantar. A cena podia ter acabado em tragédia se um polícia, que se encontrava fora de serviço, não tivesse saltado para a linha para salvar o homem.

Segundos antes do metro chegar, o homem é arrastado pelo polícia para o outro lado da linha. Veja as imagens, registadas pela câmara de vigilância da estação.

FINALMENTE!!! VIDA EXTRATERRESTRE, JÁ NÃO ERA SEM TEMPO!!!

A ideia de vida extraterrestre remonta a filósofos gregos do século VI a.C. No século XVI, o italiano Giordano Bruno foi queimado como herege por defender que havia multiplicidade de mundos e que estes deviam ser habitados. Nos últimos dois séculos, a noção foi sendo absorvida pelo conhecimento.
A ciência alargou a dimensão do universo e a cultura popular encarregou – se de fantasiar múltiplas formas de vida possíveis. A ideia de estarmos sozinhos é hoje quase insuportável. Houve esperança de se encontrar vida em Vénus e Marte, mas estas hipóteses alargaram-se entretanto a três luas de Júpiter, Ganimede, Calisto e Europa, ou a duas de Saturno, Encelado e Titã. Os astrónomos procuram detectar planetas extraterrestres e as observações sugerem que os planetas semelhantes à Terra são comuns na Via Láctea. A nossa galáxia pode ter cem milhões.
Muitos estarão nas zonas habitáveis dos seus sistemas solares. A esta ideia junta-se outra: a vida é um fenómeno comum. Os cientistas têm feito experiências radicais e descobriram que a vida resiste ao vácuo, a radiações ou temperaturas extremas. Também foram encontradas na Terra metabolismos bizarros. Equipas de cientistas dizem ter descoberto fósseis de microorganismos em meteoritos (na imagem, mas a afirmação é controversa) e uma teoria com décadas está a ser reabilitada: a panspermia. A tese sugere que a vida pode ter surgido no espaço, tendo depois contaminado os planetas.
EU acredito que há vida fora da terra? E você?
Só que os cientistas buscam no lugar errado, aqui fica uma dica:
João 14:
1 Não se turbe o vosso coração; credes em Deus, crede também em mim.
2 Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito; vou preparar-vos lugar.
3 E, se eu for e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos tomarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.
4 E para onde eu vou vós conheceis o caminho.
Apocalipse 21:
1 E vi um novo céu e uma nova terra. Porque já se foram o primeiro céu e a primeira terra, e o mar já não existe.
2 E vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que descia do céu da parte de Deus, adereçada como uma noiva ataviada para o seu noivo.
3 E ouvi uma grande voz, vinda do trono, que dizia: Eis que o tabernáculo de Deus está com os homens, pois com eles habitará, e eles serão o seu povo, e Deus mesmo estará com eles.
4 Ele enxugará de seus olhos toda lágrima; e não haverá mais morte, nem haverá mais pranto, nem lamento, nem dor; porque já as primeiras coisas são passadas.
5 E o que estava assentado sobre o trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E acrescentou: Escreve; porque estas palavras são fiéis e verdadeiras.

“Equipas de cientistas dizem ter descoberto fósseis de microorganismos em meteoritos (na imagem, mas a afirmação é controversa) e uma teoria com décadas está a ser reabilitada: a panspermia.”
Pronto não fiquem tristes, Cristo é o Senhor da Vida, e Ele nunca prometeu nada que não tenha cumprido. Deixem das histórias de “fósseis de microorganismos” e de “panspermia”.

PORTUGAL É LÍDER DA POBREZA INFANTIL NA OCDE, QUE TRISTEZA!

Sem ajudas sociais a percentagem de crianças 
pobres seria ainda mais elevada
Um relatório de um centro de pesquisas da UNICEF mostra que Portugal é o país da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) com maior percentagem de crianças pobres, ficando à frente da Espanha, Itália, Reino Unido e Polónia.

Segundo o relatório 'Children Left Behind', elaborado pelo Centro de Pesquisas Innocenti, a taxa de pobreza infantil em Portugal é de 21,2 por cento antes da intervenção estatal e de 18,7 por cento após a atribuição de ajudas sociais.
Logo a seguir vem a Espanha - com 18,5 e 17,2 por cento respectivamente -, enquanto a Finlândia tem a taxa mais reduzida, graças aos fortes apoios sociais, que reduzem para apenas 5,2 por cento o que seriam 15,2 por cento de crianças pobres.
O relatório 'Children Left Behind', que engloba dados de 21 dos 33 países da OCDE com dados estatísticos recolhidos entre 2004 e 2006, mostra que sem a intervenção do Estado todos teriam taxas de pobreza infantil superiores a dez por cento.
Nem tudo são más notícias para as crianças portugueses: o país encontra-se em terceiro no que toca ao bem-estar sanitário (a Holanda lidera, seguida da Noruega)
Pelo contrário, Portugal ficou no 14.º posto em bem-estar educacional e em 16.º no bem-estar material.

2 de dezembro de 2010

HILLARY CLINTON DUVIDOU DA SAÚDE MENTAL DA PRESIDENTE DA ARGENTINA

Hillary Clinton (esq.) ligou para pedir desculpas à presidente
 Cristina Kirchner, após as revelações.


A secretária de Estado norte-americana, Hillary Clinton, telefonou nesta quinta-feira (2) à presidente argentina, Cristina Kirchner, para "dar explicações" sobre os documentos sigilosos vazados nos últimos dias pelo site WikiLeaks. Os textos sugeriam que Cristina tinha perturbações emocionais e era estressada.
Segundo o porta-voz do Departamento de Estado, Philip Crowley, pela manhã Hillary "deu telefonemas breves ao presidente (Asif Ali) Zardari do Paquistão e à presidente (Cristina) Fernández de Kirchner da Argentina" para "lamentar junto aos dois presidentes a divulgação de documentos secretos".
A informação foi confirmada pela Embaixada dos Estados Unidos em Buenos Aires e divulgada pela agência estatal Télam.
Hillary pediu informações sobre saúde mental da argentina
Nos telegramas divulgados, Hillary teria demonstrado curiosidade sobre a personalidade e a forma de trabalhar da presidente sul-americana.
Por conta disso, a Agência de Operações de Inteligência do Departamento de Estado (identificada no documento como INR/OPS) enviou um telegrama no qual pedia informações sobre "o estado mental e de saúde" de Cristina, além de "sua visão política" e "sua forma de trabalho".
"Como Cristina Fernández de Kirchner controla os nervos e a ansiedade?” e “Como o estresse afeta a sua conduta com seus assessores e/ou seu processo de tomada de decisões?", era uma das perguntas que constavam no telegrama, datado de dezembro de 2009.
Néstor Kirchner apontado como “mostro controlador”
A presidente não teria sido a única a ser questionada. O marido de Cristina e falecido em 27 de outubro, o ex-presidente Néstor Kirchner (2003-2007), era apontado ainda como "um monstro controlador".

Crowley disse que na ligação para Kirchner, Hillary expressou "a importância da amizade" da Argentina com os EUA e ambas manifestaram o desejo de continuar trabalhando em conjunto.
Hillary Clinton fez até agora ligações para funcionários de quase uma dúzia de países desde que começaram a ser revelados os documentos secretos, entre os quais da China, Alemanha, França, Afeganistão, Reino Unido, Arábia Saudita, Canadá e Libéria, disse o porta-voz.

A DESCOBERTA DO ET. A CIÊNCIA CONTINUA CHEIA DE "TALVEZ"

"Talvez agora possamos descobrir o ET"
Gina Pereira
A responsável pelo programa de astrobiologia da NASA, Mary Voytek, acredita que a descoberta divulgada por um grupo de cientistas é uma revelação "fenomenal" que abre a porta a novas áreas de pesquisa, designadamente sobre a vida extraterrestre.
"Talvez agora possamos descobrir o ET", respondeu, a um jornalista, quando confrontada com a desilusão que o anúncio surtiu junto da opinião pública, depois de ter sido veiculada a ideia de que a NASA iria anunciar a descoberta de vida noutros planetas.

Felisa Wolfe-Simon, membro do departamento de astrobiologia da Nasa e principal responsável por esta investigação, explicou em conferência de imprensa como tudo se passou: pegou em sedimentos do fundo de um lago na Califórnia, isolou-os num frasco onde basicamente só tinha arsénio - um violento veneno natural - e, surpreendentemente, percebeu que havia uma bactéria que era capaz de sobreviver, contrariando tudo o que se sabia até agora sobre o que era necessário para a existência de vida.

Esta descoberta redefine aquilo que era até agora tido como os elementos base necessários para o desenvolvimento da vida: carbono, hidrogénio, azoto, oxigénio, fósforo e enxofre. E, como enfatizou a investigadora, "abre a porta" à descoberta de novas formas de vida e até de vida noutros planetas, embora reconheça que "vai ser preciso um exército de cientistas e das suas ideias" para avançar com esta investigação.

A bactéria agora descoberta no Lago Mono não só é capaz de sobreviver no arsénio como incorpora elementos no seu próprio ADN e nas células. O trabalho destes investigadores é financiado pela NASA e foi divulgado na Internet pelo "site" Science Express.

Johnny Depp na 'Vanity Fair': 'Todos os meus personagens são gays'

Johnny Depp foi escolhido para ilustrar a capa da edição de janeiro da revista "Vanity Fair". Na entrevista concedida à roqueira Patti Smith, o astro de "Piratas do Caribe" fez uma revelação surpreendente. Perguntado se o Capitão Jack Sparrow seria realmente gay, o que foi negado pelo estúdo Disney na época do lançamento do filme, o ator disse: "Todos os meus personagens são gays".

Sobre o filme "The Tourist", que Depp protagoniza ao lado de Angelina Jolie , ele confessa que teve cuidados para evitar boatos de um possível romance durante as filmagens. A saída foi afastar ao máximo paparazzi. Ainda assim rumores disseram que a mulher do ator, Vanessa Paradis, sentiu ciúmes e não gostou das cenas de amor entre Depp e Jolie e chegou a pedir para cortá-las do longa.
Johnny Depp exibe charme na "Vanity Fair". (Reprodução)

1 de dezembro de 2010

A IDADE DO CONTROLO DA MENTE HUMANA

Na luta pelo controlo da mente humana a média pode ser um instrumento tanto para o bem quanto para o mal. Actualmente, nossa mente tem sido bombardeada com mensagens provenientes de Hollywood que caracterizam o Salvador como alguém que em verdade não é. Essas mensagens aparecem de forma subliminar, ou mesmo, explicitamente.

A mente infantil é o alvo principal.

Sem perceber, as crianças são doutrinadas com ensinos diabólicos os quais fazem do inimigo, do destruidor, um ser injustiçado e um "pobre coitado". Ao mesmo tempo, fazem do Bem, do Perfeito, alguém snobe, metido, convencido, e que se acha o melhor de todos. Com muita arrogância e pouco amor.

Repare na chamada de mais um filme infantil que, claramente, apresenta uma torta ilustração do grande conflito entre o bem e o mal. Cada detalhe, cada cena, cada frase foram planejadas para aludir à história da queda de Lúcifer e seus seguidores e sua vontade de atrair para si os seguidores d´Aquele que realmente tem mais poder.
<a href="http://video.msn.com/?mkt=pt-br&from=sp&vid=40f6eeae-4364-4ac1-bae4-8067f6578be9" target="_new" title="Exclusivo: trecho de 'Megamente'">Video: Exclusivo: trecho de 'Megamente'</a>


Agora compare o enredo e os personagens do filme com a Revelação:

O Especialista:

"A testa [de Lúcifer] era alta e larga, demonstrando grande inteligência". A História da Redenção, p. 13.

"Eu via Satanás, como raio, cair do Céu." Lc. 10:18. [Repare o símbolo de raio e/ou luz na roupa do Especialista]

"O povo de Deus não encontrará sua segurança na operação de milagres; pois Satanás imitará os milagres que forem operados". Eventos Finais, p. 169. [Repare na cena em que o ser azul chega na escola e encontra com o "senhor perfeitinho": a narração é um desdém aos "fãs babões" - seus seguidores - que se deixam ser "comprados por exibições exageradas". Em seguida ele planeja a imitação.

O Sr. Perfeitinho:
[Neste caso, o filme mostra sempre o contrário da Revelação]

"Um compassivo Criador, sentindo terna piedade por Lúcifer e seus seguidores [no céu], procurava fazê-los retroceder do abismo de ruína em que estavam prestes a imergir". Patriarcas e Profetas, p. 40.

"Seu carácter era absolutamente perfeito, isento da mais leve mancha de pecado. Ele veio como expressão do perfeito amor de Deus, não para esmagar, não para julgar e condenar, mas para sanar todo carácter fraco e defeituoso, para salvar homens e mulheres do poder de Satanás". Beneficência Social, p. 54.

[Dessa forma, as crianças são doutrinadas e influenciadas a desconfiar do Bom Deus]:

"Satanás exulta quando pode levar os filhos de Deus à incredulidade e ao desalento. Deleita-se em ver-nos desconfiando de Deus, duvidando de Sua boa vontade e poder de salvar-nos. Apraz-lhe fazer-nos pensar que as providências do Senhor visam a prejudicar-nos. É a obra de Satanás representar o Senhor como falto de compaixão e piedade. Deturpa a verdade a Seu respeito. Enche a imaginação de ideias erróneas relativamente a Deus e, em vez de fixarmos a mente na verdade quanto a nosso Pai celeste, muitas vezes a demoramos nas falsidades de Satanás, e desonramos a Deus desconfiando d´Ele, e contra Ele murmurando. Satanás busca sempre tornar a vida religiosa sombria. Deseja que se nos afigure trabalhosa e difícil; e, quando o crente, em sua vida, faz aparecer sua religião sob esse aspecto, está, por sua incredulidade, confirmando a mentira de Satanás". Caminho a Cristo, p. 116.

28 de novembro de 2010

O PAPA DESEJA UM GOVERNO MUNDIAL

The anti-Christ making it's own demands...i bet Soros is also helping him. Isn't it coming right on time, according to Bible Prophecies? Have you read on the book of Revelation (Apocalypse) lately? Wow...here it is, the "IRON TEETH"… May the Lord give us strength to overcome and persecution and the tyranny of the Middle Ages again? May we study our Bibles, before it will be taken from us, and soon see each other at the sea of glass in God's Kingdom as overcomes of the powers of evil! (VEJA, SEE, VOIR)

23 de novembro de 2010

Seguranças de Kennedy quebram silêncio sobre assassínio

"Oh, Jack, o que te fizeram eles?", gritou Jacqueline
enquanto  o marido morria.
por LUMENA RAPOSO

"Oh, Jack, o que te fizeram eles?", gritou Jacqueline Kennedy quando o marido, a morrer, deixou cair a cabeça no seu colo. A revelação foi só agora feita por um dos agentes dos serviços secretos que os acompanhava.
Após 47 anos de silêncio absoluto, ou quase, dois dos seguranças que estavam com John F. Kennedy no dia do seu assassínio em Dallas, a 22 de Novembro de 1963, começaram a contar a sua versão dos factos. Precisamente no dia do aniversário da trágica morte do 35º presidente dos EUA.
"Não pudemos ajudar, sentimo-nos como se tivéssemos falhado. Foi um sentimento terrível", disse à CNN Jerry Blaine, um dos guarda-costas de Kennedy.
Blaine, além das declarações à cadeia de televisão americana, publicou recentemente o livro The Kennedy Detail, escrito com a jornalista Lisa McCubbin. O autor do prefácio foi outro segurança de Kennedy que até agora sempre fizera questão de manter o silêncio sobre o ocorrido: Clint Hill.
Após o primeiro tiro ter atingido o presidente, Hill conta que o viu "agarrar a garganta e inclinar-se para o lado esquerdo. Foi quando saltei e comecei a correr". Hill é precisamente o homem que se vê a correr atrás do Lincoln descapotável onde o jovem presidente se fazia transportar.
"Precisamente antes de saltar para o carro, o terceiro tiro atingiu-o na cabeça. Era tarde de mais", recorda Hill que, mesmo assim, forçou Jackie a ficar no carro, e tentou ainda proteger o casal com o seu próprio corpo - não fossem outros tiros serem disparados - enquanto o carro se dirigiu em alta velocidade para o hospital.
Clint Hill foi condecorado por bravura, situação que não lhe retirou o sentimento amargo de culpa pela morte do presidente. Como ele conta agora: "Passei anos na cave da minha casa, mergulhado em cigarros e álcool, pensando que poderia ter sido mais rápido, poderia ter sido até o alvo da bala que matou o presidente." Foram necessários anos de terapia para que Hill percebesse que não podia ter evitado a bala que pôs fim à vida do primeiro presidente católico dos EUA.
Poucos saberão que, por pouco, os americanos não perderam em seguida o seu segundo presidente: Lyndon Johnson, vice-presidente, acorreu a Dallas mal foi confirmada a morte de Kennedy. Ao lado de Jacqueline, com o fato manchado de sangue do marido, e junto à urna de Kennedy, Johnson jurou sobre a Bíblia defender a Constituição americana como presidente dos EUA.
Horas após ter prestado juramento, Johnson dirigiu-se à residência que ocupava antes de ser presidente, onde Blaine - sem dormir há 40 horas - estava de guarda. "Eram 2.15; ouvi de repente alguém aproximar-se." Não hesitou: levantou a arma com o dedo no gatilho. E quem viu na sua frente? Lyndon Johnson! "Ele ficou pálido, voltou as costas e entrou em casa. Nunca se falou no assunto."

22 de novembro de 2010

SINAIS DO FIM

A CÓLERA MATA CENTENAS DE PESSOAS NO HAITI

O surto de cólera no Haiti já fez 1250 mortes desde meados de Outubro. Este número não pára de aumentar por não se verificaram as condições necessárias para travar e epidemia.

Desde os primeiros casos da doença já foram observadas 52.715 pessoas nos centros de saúde pública e outras 20.867 foram hospitalizadas.

«Desde o início da epidemia tínhamos três casos por dia, Depois 15, depois 35. Hoje de manhã foram já 60», afirmou o director do Hospital Teresa dr. Prince-Pierre Sonçon.

«O número de mortes diárias atingiu agora as 61 pessoas e o departamento Norte continua a ser o que regista maior número de mortos por dia - 28. Precisamos de mais cloro, de soro hidratante, de conta-gotas, de antibióticos. Temos stocks mas a procura é tão grande que não chegar», explicou Prince-Pierre Sonçon.

A força do Nepal que compõe as Nações Unidas é acusada pela população de ter propagado a epidemia de cólera, tendo já sido alvo de ataques durante uma manifestação.

21 de novembro de 2010

PAPA E NATO O CALDO PROFÉTICO.

Isto mais parece um Vulcão prestes a explodir por um lado o papa vem e faz uma declaração, horas depois lá vem um sacerdote e diz o mesmo e o seu contrário. Depois aparece em cena esta gente da NATO, dizem e desdizem e fica tudo pior. Clamam paz mas o que vemos é guerra, brutalidade, exploração, inimizade, usurpação e falta de honra. Este é o caldo das profecias há tanto anunciadas. Lê e depois entra nos blogs sobre profecias bíblicas vais compreender:
1. Estamos no fim de todas as coisas.
2. O Deus que existe é um Deus bom e soberano.
3. Há esperança de solução para o dilema do homem.
4. há uma razão adequada para combater o erro.
Abraço e junta-te a nós.

Vaticano desvaloriza declarações do Papa
O porta-voz do Vaticano afirmou hoje, domingo, que não há nada de "revolucionário" no que o Papa disse acerca de o uso do preservativo poder ser um ato de responsabilidade em situações excepcionais.
Numa declaração hoje divulgada, o padre Federico Lombardi disse que o Papa não está a "reformar ou a mudar" os ideais da Igreja, que proíbe o uso do preservativo e de outros contraceptivos.
O porta-voz reagia assim à publicação de excertos de um livro-entrevista que Bento XVI deu a um jornalista alemão.
O Papa diz no livro que em alguns casos, como em homens prostitutos com o vírus da sida, o uso do preservativo é o primeiro passo para a responsabilização.
Federico Lombardi sublinhou que a Igreja não considera o preservativo como a "solução moral" para o problema da sida.
Vaticano sublinha que a Igreja não considera o preservativo como a "solução moral" para o problema da sida

Cimeira-relâmpago entre a UE e os EUA foi "íntima, cordial" mas "menos excitante"
Houve uma cimeira entre a União Europeia e os Estados Unidos? Houve. Durou hora e meia. Terminou com uma sucessão de declarações sem direito a perguntas. Colocou pela primeira vez lado a lado o Presidente americano, o presidente do Conselho Europeu, Herman van Rompuy, e o presidente da Comissão, Durão Barroso. Foi o último acto de Barack Obama em Lisboa. Serviu para sublinhar até que ponto a União Europeia é o vértice que ainda falta no "triângulo estratégico" das relações entre a Europa, os Estados Unidos e a NATO.
Mas serviu também para retomar um diálogo que tinha sido interrompido, quando, em Maio deste ano, o Presidente americano cancelou a sua participação numa cimeira UE-EUA por causa de uma longa disputa entre Madrid e Bruxelas sobre o local do encontro e uma visível falta de assunto para preencher a agenda.
Desta vez, a coincidência com a cimeira da NATO facilitou o reencontro. Barroso, no final, elogiou o novo formato em que as cimeiras decorrem, previsto no Tratado de Lisboa, dizendo que esta foi "íntima, amigável e focada".
Rompuy anunciou uma extensa lista de assuntos em que os dois parceiros têm a necessidade de cooperar - nas áreas da economia, segurança e política externa. Foi criado um "grupo de trabalho" para estudar a cooperação na cibersegurança, cujos resultados devem ser apresentados dentro de um ano. Apesar da cooperação económica ter sido muito sublinhada pelos representantes europeus, a verdade é que a Europa e os Estados Unidos têm tido uma grande dificuldade em coordenar posições no G20.
O Presidente americano, por seu lado, reconheceu que esta cimeira não terá sido "tão excitante como as outras", justificando o facto com a grande sintonia entre as duas partes. "Basicamente concordámos em tudo." Obama disse aquilo que já repetiu muitas vezes: que "os Estados Unidos não têm outro parceiro mais próximo no mundo do que a Europa".
Na verdade, continua a faltar à relação entre a UE e os EUA uma agenda suficientemente significativa para que possa haver discordância. Do mesmo modo que uma parceria entre a UE e a NATO, que o novo conceito estratégico classifica de única e de essencial, ainda está por construir.
Este facto deu lugar ao único episódio que agitou o ambiente cordial da reunião do Conselho do Atlântico Norte na sexta-feira passada. Rasmussen convidou Rompuy e Barroso a estarem presentes nos trabalhos. O secretário-geral da NATO tem batalhado, ainda que sem grande sucesso, para melhorar as relações institucionais e políticas entre as duas organizações. O Presidente turco, Abdullah Gul, quis saber a razão da sua presença. Aceitou a justificação de Rasmussen, mas não deixou de dizer que o único parágrafo do novo conceito que o incomodava era o da relação entre a UE e a NATO.
Obama terá levado a questão turca para a cimeira com os europeus. Preocupa-o o efeito do afastamento entre Ancara e Bruxelas. A reunião de Lisboa não terá servido para melhorá-la.

19 de novembro de 2010

NATO em Portugal para discutir ...???

Chefes de Estado e governo se reúnem nesta sexta-feira (19) em Lisboa, Portugal, para discutir questões-chave da segurança internacional. Os líderes dos 28 países da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte), além de outros dirigentes, vão discutir, entre outras coisas, quando e como vão retirar suas tropas do Afeganistão, país que ocupam desde 2001.
A principal voz no encontro será a do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama. O país lidera as forças internacionais da Otan no Afeganistão, ocupado no mesmo ano em que a rede terrorista Al Qaeda comandou os ataques terroristas em Nova York e Washington, no dia 11 de setembro de 2001.
Desde então, o grande número de baixas e o alto investimento militar, desencorajaram muitos países a manter suas tropas no Afeganistão, deixando a tarefa quase que exclusivamente aos americanos.
Também deve entrar na discussão a questão do escudo antimísseis que os EUA querem construir na Europa, irritando os russos, que um dia já foram arquiinimigos da aliança militar ocidental.
No centro de Lisboa, distante 8 km do Parque das Nações, manifestantes já organizam vários protestos contra a cúpula.
NATO foi criada na Guerra Fria para conter comunistas
Criada em 1949, a Otan tinha como objetivo conter o avanço comunista, liderado pela então URSS (União Soviética), que anos antes havia sido aliada dos Estados Unidos, do Reino Unido e da França na luta contra  a Alemanha nazista na Segunda Guerra Mundial (1939-1945).
A aliança militar do Ocidente foi formada inicialmente por 12 países, nos anos da Guerra Fria. Hoje tem 28 membros, vários deles do antigo grupo rival da Otan – o Pacto de Varsóvia, a aliança militar dos países socialistas, criada em 1955.
O secretário-geral da NATO, o ex-primeiro ministro dinamarquês Anders Fogh Rasmussen, disse que além da retirada do Afeganistão e da construção de um escudo antimíssel na Europa, o grupo deve discutir “um reinicio com as relações com a Rússia”.
O país que um dia já foi a URSS (desintegrada em 1991) ainda mantem uma tensa relação com a NATO. Os russos pressionam a Ucrânia, uma antiga republica soviética, para que não façam parte da aliança ocidental.

17 de novembro de 2010

A NOVA ERA E A IMPLANTAÇÃO DO CHIP!

Aceitaria implantar, no corpo, um chip que pode armazenar todas as informações sobre a sua saúde? O governo americano deu luz verde para que pacientes possam usar, sob supervisão médica, chips implantados na pele.
Os chips são minúsculos, menores que um botão de uma camisa comum. Colocados no pulso da pessoa, eles terão um código que permitirá a hospitais em todo os Estados Unidos identificar informações como tipo sanguíneo, alergias e medicamentos tomados pelos pacientes.
Uma sondagem de rua foi feita sob a possiblidade de receber um chip, a maioria das pessoas pensou que se estava a falar de ficção ou algo a acontecer num futuro longínguo. A questão era: “Permitiria que lhe implantassem um chip?”
“Eu teria medo. Acho que me daria a impressão de ser uma máquina.” Uma outra pessoa respondeu: “Usaria se fosse necessário e convenceria toda a família a usar”, afirmou um senhor. “Mesmo que assuste, seria bom”, ressalta uma outra pessoa. “Eu acho isso muito interessante,” disse uma crinça.
Os chips serão usados apenas para fins médicos, mas muita gente teme que mais cedo ou mais tarde ele possa ser usado – como nos filmes de Hollywood – para localizar e monitorizar as pessoas.
“Uma coisa desse tamanho dentro do corpo e por toda a vida, aí fica a sua história dentro de um chip e poderá ser útil.” Foi a afirmação categórica de um entrevistado. “Não sei até que ponto a tecnologia é benéfica, e até que ponto ela aprisiona o ser humano”, questiona uma senhora.
A cantora baiana Pitty, revelação do rock brasileiro, tornou-se noticia no Brasil por falar mão dos chips: "Eu acho que a desconfiança vem de quem controla isso, na mão de quem está isso? A gente confia o suficiente nas pessoas que têm esse controle?”, indaga Pitty.
Mas o que muitos não sabem é que o chip não é apenas o futuro, mas também o presente. “O chip já faz parte da vida das pessoas há algum tempo, desde sua batedeira até ao seu celular, televisão, etc”, explica o gerente de tecnologia Max Leite.
O engenheiro electrónico e professor Nilton Morimoto, da Universidade de São Paulo (USP), lembra que o carro também está cheio de chips: “Você tem a transmissão electrónica há muitos anos e nem se deu conta disso. Existem, hoje, sistemas que controlam o acendimento dos faróis, o ligamento do limpador de pára brisa, o accionamento de luzes, airbags. Todo o sistema de controlo do carro é electrónico e você nem sabia disso”, enumera Morimoto.
Algumas vantagens são óbvias. O ladrão não pode fazer uma cópia da chave do carro porque tem um chip dentro dela dizendo que aquela chave é de determinado carro”, complementa o professor da USP.
Mas o futuro pode ser sombrio, caso você carregue um chip dentro do corpo, ou dentro do crachá da empresa. “O seu chefe pode dizer, efectivamente, quanto tempo você passou trabalhando, quanto tempo você gastou para almoçar e quanto tempo você leva para fazer cada actividade dentro da empresa”, explica Morimoto.

16 de novembro de 2010

INTEL CONFIRMA APRESENTAÇÃO DE NOVA GERAÇÃO DE PROCESSADORES

A nova geração de processadores da Intel, conhecida como Sandy Bridge, será apresentada oficialmente em janeiro nos Estados Unidos.
Segundo o site Electronista, a maior fabricante de chips para computadores do mundo já teria enviado convites para o anúncio, que será realizado durante o Consumer Electronics Show (CES), evento de tecnologia que acontece em Las Vegas entre os dias 6 e 9 de janeiro.
O primeiro chip a chegar ao mercado deve ser o top de linha da nova família, com 6 núcleos e 15 MB de memória cache. A família Sandy Bridge é fabricada com tecnologia de 32 nanómetros.
Segundo a Intel, o processador oferece vantagens no processamento gráfico na comparação com a família atual de chips, a Nehalem.

Fonte:

PÍLULA COM CHIP AJUDA A EVITAR REJEIÇÃO DE ÓRGÃOS

Biomedical/Divulgação
Microchips serão adicionados aos medicamentos
já existentes de antirrejeição
Microchips serão adicionados aos medicamentos já existentes de antirrejeição
A gigante farmacêutica Novartis está desenvolvendo um remédio que contém um microchip capaz de anunciar problemas de rejeição de órgãos em pessoas transplantadas. O medicamento espera ser aprovado para uso na Europa dentro de 18 meses.
O chip é ativado pelo ácido do estômago e transmite informações a um adesivo anexado à pele do paciente, cujo conteúdo pode ser acessado pela internet ou smartphone (celular que tem funções de computador). A aplicação em pacientes transplantados terá a função de ajudar a evitar a rejeição do órgão.
Um problema comum que ocorre após transplantes é ajustar a dose e o tempo de tomar medicamentos antirrejeição, que devem ser monitorados com frequência para evitar a rejeição do órgão. Com o microchip o problema deve ser solucionado, já que ele teria o papel de monitorar se as drogas estão sendo tomadas no momento certo e na dose correta.

Em janeiro deste ano, a Novartis gastou (US$ 24 milhões) para garantir o acesso à tecnologia, inventada e desenvolvida por uma empresa privada da Califórnia, a Proteus Biomedical. O microchip é capaz de processar a frequência cardíaca, temperatura e movimentos corporais, que podem indicar se as drogas estão a funcionar como esperado.
Os microchips serão adicionados aos medicamentos já existentes, mas a empresa pretende realizar testes de bioequivalência para mostrar que os efeitos das pílulas mantêm-se inalterados com a adição do microchip.

Trevor Mundel, porta-voz da área de desenvolvimento global da farmacêutica, afirma que a privacidade dos pacientes será protegida, já que informações colhidas por meio de tecnologia Bluetooth (sistema de transmissão de dados sem fio) poderiam ser interceptadas por alguém que não seja o médico.
Apesar do uso do microchip ser focado para remédios que impedem a rejeição em pacientes transplantados, há tendência da tecnologia se espalhar para outras áreas da medicina, segundo Mundel.
- A promessa vai muito além disso do uso de drogas antirrejeição.


NOTA: Não resta dúvida da grande utilidade dessa tecnologia, bem como as possibilidades de perigo para a privacidade e as liberdades individuais. Por que será que tudo atualmente tem apontado para o controle dos hábitos humanos?